Quando e porque usar Crowdfunding?

O crowdfunding é uma maneira de financiar ideias ou projetos, por meio de ajuda financeira de investidores, com soma relativamente baixa, uma vez que várias pessoas podem participar, o objetivo é alavancar um projeto, onde todos os investidores terão alguma vantagem em troca, que pode variar de acordo com o valor investido.
Esse tipo de financiamento tem se popularizado e se tornado aliado de empresários dos mais diversos setores de atuação, afinal, o financiamento tradicional, pelo banco, é burocrático e acarreta altas taxas de juros. O financiamento coletivo ou crowdfunding pode ser feito em sites próprios para esse tipo de serviço e atingem milhares de pessoas, possibilitando que qualquer pessoa, em qualquer lugar do mundo invista no seu projeto, além de ser uma excelente forma de divulgação pré-lançamento. As maiores vantagens, além de possibilitar que um número maior de pessoas participem do financiamento coletivo, o custo é muito baixo, onde o empreendedor paga apenas um pequeno percentual do valor financiado, o que só é feito quando a arrecadação total é concluída. Os riscos também são baixos, pois caso os montante final não seja alcançado, todos recebem seu dinheiro de volta. É preciso se atentar, pois o crowdfunding é positivo para projetos em fase inicial ou com resultados de curto prazo e investimento menor, para que sua meta não se torne algo impossível de ser alcançada. Existem várias modalidades de crowdfunding e a escolha de qual você vai utilizar é muito importante, e deve ser avaliada com cuidado. A mais simples dela é a doação, que não dá retorno para quem investe, portanto tem pouco apelo, é mais indicado para projetos ligados à filantropia ou com forte apelo social. O empréstimo, o empreendedor se compromete a devolver o dinheiro investido após um certo período, caso o objetivo final seja alcançado e não concede participação no negócio. Há ainda a recompensa, que investidor não recebe seu dinheiro de volta nem participação no negócio, mas ganha alguma contrapartida, como o próprio produto ou serviço final antes de ser lançado oficialmente, por exemplo. Por último, existe a participação, que é quando o investidor no financiamento coletivo não recebe nenhum benefício imediato, mas terá uma participação nos negócios, tornando-se sócio e podendo ver retorno financeiro mais para frente. Existem ainda empreendedores que optam em usar mais de um tipo de financiamento para seu negócio. O crowdfunding vem ganhando espaço, crescendo e conquistando cada vez mais pessoas e pode ser uma excelente opção para iniciar sua empresa, avalie qual seu negócio, limitações, alcance e vantagens. Afinal, uma campanha de crowdfunding bem sucedida é garantia de um negócio que veio para ficar.

Dúvidas? fale conosco

A AJE Goiânia, esta aqui para receber sua sugestão, dúvida ou lhe auxiliar. Utilize o formulário abaixo para nos enviar uma mensagem. Se preferir, mande direto para o contato@ajegoiania.com.br